Divulgue

Dados sobre violência contra mulheres e meninas

Veja os principais dados da violência contra mulheres e meninas no Brasil e no mundo.

Brasil:
  • De acordo com o DIEESE (Departamento Intersindical de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos), 40% das mulheres brasileiras já sofreram
  • violência doméstica em algum momento de sua vida.
  • Segundo pesquisa do Data Popular em parceria com o Instituto Patrícia Galvão, 54% das pessoas entrevistadas afirmaram conhecer uma mulher que já foi agredida pelo parceiro, e 56% afirmaram conhecer um homem que já agrediu a parceira.
  • Em 2012, segundo dados do Anuário do Fórum Brasileiro de Segurança Pública, mais de 50 mil mulheres foram estupradas, número 20% maior em relação ao ano anterior.
  • O Mapa da Violência 2012, que analisa dados do Ministério da Saúde, aponta o Brasil na 7ª posição de maior número de 
  • assassinatos de mulheres no mundo, num ranking com 84 países.
  • Mais de 92 mil mulheres foram assassinadas desde 1980 até 2012, metade delas na última década. Isso significa que a cada duas horas uma brasileira foi morta sob condições violentas, em sua maioria no ambiente doméstico e por homens com os quais tinham ou tiveram relações afetivas.
  • Como muitos casos não são reportados, estes números podem ser ainda maiores.
 
Mundo:
  • 603 milhões de mulheres vivem em países onde a violência doméstica não é considerada como crime.
  • Nas Américas, 29,8% das mulheres têm sido vítimas de violência física e/ou sexual exercida por seus parceiros, e 10,7% tem sofrido violência sexual por outra pessoa que não seja o parceiro.
  • Em todo o mundo, até 50% das agressões sexuais cometidas são contra meninas menores de 16 anos.
  • Uma em cada 4 mulheres sofre violência física ou sexual durante a gravidez.
  • Em 12 países da América Latina e do Caribe, a proporção de mulheres que uma vez casadas ou em união estável informaram haver sofrido maltrato emocional por parte de seu parceiro oscila entre 17% e 47,8%.
  • A primeira experiência sexual de aproximadamente 30% das mulheres foi forçada. A porcentagem é maior entre as que eram menores de 15 anos no momento de sua iniciação sexual, chegando a até 45%. 
  • Em todo o mundo, os homens têm mais probabilidade que as mulheres de sofrer violência em contextos de conflitos armados e atividades criminosas, enquanto as mulheres têm mais probabilidade que os homens de sofrer violência provocada por pessoas próximas, como seus parceiros. As mulheres e as meninas também têm mais probabilidade do que os meninos e os homens de sofrer violência sexual em geral.
  • Mais de 60 milhões de meninas em todo o mundo estão casadas antes de completar 18 anos, principalmente no sul da Ásia e na África Subsaariana. A vida matrimonial de muitas dessas meninas se caracteriza por violência e abuso. As mulheres que se casam cedo têm mais probabilidades de serem fisicamente violentadas ou ameaçadas, e é mais provável que a violência seja justificada e permaneça impune.
  • As meninas e meninos que presenciaram ou sofreram violência de gênero estão mais predispost@s a se tornarem vítimas, no caso das meninas, e agressores, no caso dos meninos.
  • No mundo, 38% de todas as mulheres assassinadas foram assassinadas por seus parceiros.

Tag's: Violência Mulheres